quinta-feira, 13 de janeiro de 2011

Interiorizando

Reescrevendo a alma.
Algo no âmago aclama,
Sorrateiramente acalma
E traz a tão clamada chama!


Todos os direitos reservados, caso queira publicar este poema favor comunicar anteriormente ao autor.

Um comentário: